Veja como funciona o Funcionamento de um veículo sem entrada

Para a maioria dos brasileiros, comprar um carro é um sonho. Quando nos tornamos adultos, em breve consideramos obter a CNH. No entanto, a dificuldade do sonho é ter créditos para financiar o veículo. Se você deseja possuir um carro e não tem dinheiro para solicitar financiamento, saiba que existe uma opção que pode atendê-lo: financiamento sem entrada!

Normalmente, as instituições convencionais (por exemplo, Caixa, Itaú) exigem pelo menos 10% do valor do veículo como valor inicial do financiamento. Isso significa que, para comprar um carro por R$ 30.000,00, precisará pagar R$ 3.000,00 imediatamente. Pode ser um pouco caro para pessoas com orçamentos apertados. No momento, existem outras maneiras de comprar um carro sem o valor à vista. Portanto, neste artigo, ajudaremos você a perceber as melhores opções de financiamento sem garantir o valor inicial.

Funcionamento do financiamento sem entrada

Diferentemente da maioria dos financiamentos que estamos habituados a perceber no mercado, o custeamento sem adiantamento permite dividir todo o valor do carro em parcelas. Isso significa que, quando você compra um carro sem um adiantamento, não precisa inicialmente de nenhum valor.

Onde posso financiar o veículo sem entrada?

Possuem algumas corporações que realizam o procedimento de financiamento sem entrada, veja abaixo:

Lojas de veículos e concessionárias

Você pode ter visto alguns revendedores fornecerem financiamento sem valor inicial. No entanto, muitas instituições não oferecem esse tipo de crédito. Para revendedores e lojas de carros, há uma artimanha para tornar esse tipo de financiamento possível. Quando mencionamos de carros seminovo, o valor entregue pela concessionária ao banco é superior ao valor real do carro e o excesso é usado como adiantamento.

Suponha que você queira custear um veículo que custa R$ 35.000,00, porém, o banco financeiro exige pelo menos uma entrada de 15%. Entretanto, o mercado financeiro, ou seja, a concessionária, repassa as informações ao banco e o carro vale R$ 40.000,00. O valor excedente de R$ 5.000,00 será utilizado como insumo. Em outras palavras, você realmente dará um valor como entrada. No entanto, para o banco, você paga um adiantamento de 15%.

Portanto, é mais simples obter esse tipo de financiamento em uma loja ou concessionária do que em um banco. Essa realidade é mais comunitária no momento da obtenção de carros usados, pois, neste caso, é mais difícil avaliar o veículo. Neste momento, se você está planejando em adquirir um veículo zero, a melhor opção é encontrar um banco.