Veja como fazer financiamento de moto sem entrada

--*--

Atualmente há muitas formas de trabalhar de forma autônoma. Várias empresas estão apostando em tecnologias que, por sua vez, estão modificando o mercado de trabalho e seu modo de funcionamento. Um exemplo disso é o ramo de entregas.

Antes as entregas de comida eram feitas por estabelecimentos que ofereciam o serviço. Assim a pessoa telefonava e pedia que a entrega fosse feita em seu domicílio. Hoje já existe a possibilidade de fazer o pedido sem precisar telefonar para o estabelecimento. Basta ter um aplicativo e sua comida chega em sua residência.

Isso está gerando emprego como entregador de pedidos feitos po aplicativo. Nesse ponto surge novamente a necessidade de ter uma moto. Se você deseja seguir nesse ramo, mas não tem a moto temos uma solução.

Já pensou em financiar o veículo? É um modo muito seguro de comprar uma moto. O financiamento é uma transação onde o banco te empresta o valor do veículo e você paga em quantas vezes desejar. Você acessa o site do banco e simula o valor do veículo com a quantidade de parcelas que deseja. O valor de cada parcela aparece na sua tela já com a adição dos juros correspondentes. O banco exige que uma porcentagem do valor seja paga como entrada. Geralmente é a partir de 20% do valor total.

Você tem como dar esse valor de entrada? Não? Calma. Isso também tem solução. O mercado financeiro já possui instituições que realizam o financiamento de 100% da moto, ou seja, não é necessário dar um valor como entrada.

Esta negativado? Acesse: Segunda chance – Crédito para negativado no mercado

Mas é preciso tomar cuidado quanto a isso. Os juros dessa transação são mais altos. Por isso é necessário pesquisar os bancos que oferecem juros baixos e melhores condições que atendam suas necessidades. Outro ponto importante é contratar apenas serviços dos sites oficiais da instituição, para evitar golpes financeiros.